Prefeitura de Osasco inaugura Centro de Referência à Mulher Vítima de Violência da Zona Norte



Por Francisco Rossi Junior em 29/11/2023 às 13:25 hs

Prefeitura de Osasco inaugura Centro de Referência à Mulher Vítima de Violência da Zona Norte
Caio Henrique

Texto: Juliana Oliveira

A Prefeitura de Osasco, por meio da Secretaria Executiva de Política para Mulheres e Promoção da Diversidade, entregou na segunda-feira, 27/11, as instalações do primeiro Centro de Referência à Mulher Vítima de Violência (CRMVV) da Zona Norte. A unidade, a segunda no município, está localizada na Rua Porto Alegre, 111, Rochdale. Acompanhou o prefeito de Osasco, Rogério Lins, na inauguração do novo espaço, a secretária executiva, Débora Lapas.

O CRMVV é voltado para todas as mulheres que sofrem algum tipo de violência, seja ela física, psicológica, moral, sexual ou patrimonial, agora Osasco passa a contar com duas unidades. A primeira delas está localizada na Rua Dimitri Sensaud de Lavoud, 234, na Vila Campesina.

“É uma vitória muito grande para todas nós inaugurar o segundo Centro de Referência em Osasco, porque somos muitas mulheres lutando por outras mulheres. Implantar uma unidade na zona norte é de extrema importância porque por várias razões as vítimas não conseguem se deslocar até o centro. Aqui, elas serão acolhidas. Hoje é muito difícil encontrar uma mulher que nunca sofreu algum tipo de violência, por isso minha gratidão ao prefeito Rogério Lins pela sensibilidade em atender essa demanda”, destacou a secretária Débora Lapas.

Em sua fala, o prefeito Rogério Lins destacou que o novo espaço representa uma conquista, pois possibilita atender as mulheres vítimas de violência em um ambiente acolhedor.

“É a entrega de mais uma importante política pública de proteção às mulheres. O propósito do nosso governo não é somente criar novos equipamento, mas em especial levar para a zona norte serviços que por muito tempo pareceram distantes da realidade dos moradores dessa região, como o Portal do Trabalhador, Hospital Veterinário, mais equipamentos educacionais. Agora inauguramos o CRMVV, porque a violência contra a mulher está perto de todos nós e independe da classe social ou profissão”.

“Muitas pessoas acham que é normal uma palavra ofensiva, um xingamento ou um grito que, infelizmente, em muitos casos acabam evoluindo para um feminicídio. Então, eu gostaria de reafirmar meu compromisso com a mulher e a família”, concluiu.

Também participaram do evento as secretárias executivas de Igualdade Racial, Deise Ventura, e da Infância e Juventude, Vitória Silvestre, e os secretários Waldyr Ribeiro (Serviços e Obras), Cláudio da Locadora (Meio Ambiente e Recursos Hídricos) e José Carlo Vido (Assistência Social), as vereadoras Elsa Oliveira, Cristiane Celegato, os vereaddores Batista Comunidade e Laercio Mendonça, entre outras autoridades.



Deixe seu Comentário


 topo

Seja visto por centenas de pessoas diariamente

Cadastre-se agora mesmo em nosso guia comercial, conheça agora mesmo nossos planos !